Awari

22 de julho de 2021

Desenvolvedor Web: o que faz e como começar na área

Um homem branco sentado a frente de um computador digitando códigos de programação.
Desenvolvedor Web escrevendo códigos – Fonte: Unsplash

Com o avanço da era digital, o mercado de trabalho na área de tecnologia está cada vez mais aquecido. Claro, inúmeros setores da economia sofreram com a fase estável pela qual o país atravessa, mas uma das profissões que não entrou em crise e cresceu nos últimos anos, sem dúvidas, é a carreira de Desenvolvimento Web. Neste cenário, você, provavelmente, já deve ter ouvido algumas das seguintes frases:

  • Sobram vagas de trabalho para desenvolvedores de sistemas, programadores e demais profissionais no setor tecnológico;
  • Os desenvolvedores de sistemas são um dos profissionais de tecnologia mais bem pagos do mercado.

E ele reflete a realidade. Segundo levantamento realizado pela Catho, só em 2020, houve um aumento expressivo de 105% de vagas para o cargo de Web Developer no Brasil. Assim, com o mercado aquecido, em desenvolvimento e com os investimentos na área, cresce, também, a necessidade de uma estrutura cada vez mais qualificada por parte de empresas e, principalmente, profissionais do segmento. 

Mas o que faz um Desenvolvedor Web?

Ele é um profissional desejado por empresas de todos os tamanhos e setores que é responsável por construir ou manter aplicações web, por exemplo, um site!

Basicamente, um desenvolvedor web é responsável por programar o código que “diz” a um site como funciona. Um desenvolvedor constrói um site de baixo para cima, o que significa projetá-lo de tal forma que os usuários finais não tenham dificuldade em navegar no site. A missão do desenvolvedor web é fazer com que o site não seja tão simples que não atraia usuários avançados, nem seja tão complicado que o iniciante se perca facilmente no processo.

Esse profissional pode seguir a carreira como Desenvolvedor Front End ou Desenvolvedor Back End ou ainda Desenvolvedor Full Stack.

Atribuições de um Desenvolvedor Web:

  1. Escrever páginas da web com uma combinação de linguagens;
  2. Crie maquetes e protótipos de qualidade;
  3. Construir um site WordPress do zero;
  4. Entender HTML e CMS;
  5. Entender a interface do usuário, a experiência do usuário e a usabilidade de aprendizagem;
  6. Desenvolver sites e aplicativos baseados na web funcionais e atraentes;
  7. Fornecer a manutenção e aprimoramentos no site.

Quais as diferenças entre Desenvolvedor Front End, Desenvolvedor Back End e Desenvolvedor Full Stack?

Desenvolvedores Front-End – Um desenvolvedor front-end é um desenvolvedor web que codifica o front-end de um site. Embora o web design seja a aparência de um site, o desenvolvimento front-end é como esse design realmente é implementado na web.

Desenvolvedores Back-End Um desenvolvedor back-end é alguém que constrói e mantém a tecnologia necessária para alimentar os componentes que permitem que o lado voltado para o usuário de um site exista. Seu código de back-end adiciona utilidade a tudo o que o designer de front-end cria.

Desenvolvedores Full Stack – Desenvolvedores Full Stack entendem como cada parte do processo de desenvolvimento web ocorre e podem orientar sobre estratégia e melhores práticas. Esses desenvolvedores terão um papel cada vez mais importante no desenvolvimento web do futuro e poderão olhar para o ‘quadro geral’. Eles têm conhecimento do lado do servidor, bem como da experiência do usuário do lado do cliente.

Desenvolvedores JavaScript – JavaScript (JS) é um tipo de linguagem de programação web que é suportada em todos os navegadores e ferramentas da web, e é a linguagem que dá aos desenvolvedores JavaScript controle e poder para criar, aprimorar e modificar sites. Mesmo que um desenvolvedor JavaScript normalmente trabalhe no front-end, a linguagem de programação em si não se limita apenas ao uso front-end.

Quer entender melhor? Vamos pensar em um site na internet:

O Desenvolvedor Back End projeta o que o usuário não vê. Vai criar ou manter um código com linguagem de programação para que o site esteja no ar;

O Desenvolvedor Front End é aquele que projeta o que o usuário vê em uma página na Web. A estrutura da página, cores, movimentos na tela e demais interações que serão realizadas por quem navegar no site;

Desenvolvedor Full Stack: é o profissional que assume os dois papéis anteriores, ou seja, vai trabalhar diariamente com Front End e também Back End.

Quer entender ainda mais? Pense na construção de uma casa:

Como as tarefas seriam divididas entre esses profissionais?

O Desenvolvedor Back End é responsável pela estrutura da casa: colocar os tijolos, levantar as paredes e construir a sustentação da casa;

O Desenvolvedor Fron End é o responsável pela organização dos cômodos da casa,  pintura das paredes e demais acabamentos que vão criar uma identidade para quem estiver na casa.

O Desenvolvedor Full Stack você já sabe: é o que faria as duas funções anteriores!

O Desenvolvedor Web é fundamental para que as empresas consigam criar presença no mundo digital com foco em atrair e fidelizar os consumidores.

Já acessou um site hoje que divulga produtos ou serviços? Então você viu o que foi projetado por desenvolvedores Web.

O que é preciso para ser um Desenvolvedor Web?

O Desenvolvimento Web pode até parecer uma área intimidadora, mas não é por aí. Para iniciar a jornada você não precisa ser programador veterano, mas precisa, claro, ter vontade e disposição para se desenvolver na área de programação e lógica.

A boa notícia é que, uma vez que você passa a dominar essas habilidades, o resto será mais fácil. Desta maneira, os passos para iniciar sua jornada são:

Aprenda o Básico de HTML, CSS e Javascript:

Essas são as porcas e parafusos de todo o desenvolvimento de sites com os quais você trabalhará diariamente se decidir construir sites para viver. Por isso, no começo de sua jornada, é fundamental que você aprenda a trabalhar com essas três linguagens de programação. 

  • HTML dita a estrutura
  • CSS fará com que pareça bonito
  • Javascript fará com que funcione

Aprenda o Básico de SEO

SEO significa Otimização para Mecanismos de Busca. Isso se refere ao processo de melhorar os rankings de um site dentro de um mecanismo de busca como o Google. É uma das habilidades mais importantes nos negócios online.

Eu sei, você pode estar pensando: “Se eu sou um desenvolvedor, por que preciso me preocupar com o quão bem um site ranqueia nos mecanismos de busca? Não é esse o trabalho dos blogueiros e criadores de conteúdo?”

Bem, sim, grande parte do SEO de um site tem a ver com o conteúdo. Mas a estrutura e o código reais do site também desempenham um papel. Por exemplo, heading tags (HTML) são extremamente importantes para SEO. Eles dizem aos mecanismos de busca o que é realmente importante em um site.

Faça um curso na área

Há, também, a possibilidade de iniciar sua jornada no aprendizado de máquina por meio de um curso específico na área, chamado de curso de Desenvolvimento Web com Garantia de Emprego, oferecido pela Awari.

Esse curso reúne a formação completa em Desenvolvimento Web, além de possuir uma trilha específica para acompanhamento de carreira. Nele, você aprenderá sobre desenvolvimento web, ciência da computação, linguagens de programação – além de receber mentoria de profissionais experientes e suporte de carreira para se tornar um cientista de dados disputado pelas empresas.

Mas o maior diferencial desse curso é o seu modelo. Durante a jornada de aprendizado, vamos dar todo o suporte necessário para nossos alunos e garantir que consigam um emprego na área. Caso isso não aconteça, devolveremos integralmente o valor que o aluno investiu no curso. Dessa forma, a Awari se compromete 100% com o sucesso dos nossos alunos.

Quer saber mais sobre o curso com Garantia de Emprego da Awari? Leia aqui ou converse com o nosso time. Até o próximo artigo! 😉

Escrito por

Awari

Aprenda habilidades em tecnologia na prática e com mentoria individual. Cursos flexíveis e time de mentores com profissionais de empresas como Disney, Nubank e iFood.