Awari

10 de setembro de 2021

Quer conquistar as melhores vagas? Confira 4 dicas de ouro

Com a transformação digital e o novo cenário impulsionado pela pandemia do coronavírus, alguns mercados estão com alta demanda. É o exemplo do setor de tecnologia, que até 2024 pode ter mais de 260 mil vagas sem dono.

Ainda assim, com muitas oportunidades, é preciso caprichar para conquistar as melhores. Neste artigo, eu trago 4 dicas de ouro para fazer o seu perfil brilhar aos olhos dos recrutadores.

Vem comigo!

4 dicas para conquistar as melhores vagas

Sem delongas, vamos às dicas:

Use e abuse do LinkedIn

É bem provável que você já tenha um perfil no LinkedIn. Se ainda não, pare agora de ler este artigo e corre lá para criar. Depois você volta para as dicas…

É sério. O Linkedin é essencial para conquistar as melhores vagas de emprego. É claro que, para isso, você precisa aprender a usá-lo da maneira correta.

A rede oferece uma série de funcionalidades que podem ser exploradas para transformar um perfil em campeão. A primeira recomendação que eu dou é caprichar na descrição das suas experiências.

Esqueça aquela história de usar bullet points com as suas responsabilidades. Foque nos resultados obtidos. Em vez de usar “responsável pela aquisição de novos usuários”, prefira dizer “à frente da área de Produtos, desenvolvi estratégias e ações que acarretaram no crescimento de 110% da base de usuários.”

Percebe como essa mudança traz mais peso à atuação? Além dessas dicas, outra que acho extremamente importante e merece atenção é o uso das palavras-chave. 

Observe quais são os termos usados pelo mercado, principalmente pelos recrutadores. E, então, configure o seu perfil com tais palavras para que ele seja listado no retorno da busca. 

Ainda no LinkedIn, preencha corretamente os skills e, quando se candidatar às vagas, fique atento às habilidades que faltam no seu currículo.

Fazer essa análise permite que você crie planos de ação para corrigir suas vulnerabilidades. Para arrematar o seu perfil, peça recomendações aos seus antigos empregadores ou colegas de trabalho.

Construa autoridade

A autoridade é um gatilho mental muito explorado pelo Marketing para gerar resultados positivos para pessoas e empresas. E, sem dúvida, é fundamental para quem quer conquistar as melhores vagas. Se liga nessas dicas!

Obter autoridade requer a construção de credibilidade, influência e alcance. E como você consegue isso?

Marcando presença. Produzir conteúdo relevante e de qualidade é um dos principais caminhos. O próprio LinkedIn é um canal para construir autoridade.

Por meio de publicações e artigos, você pode se tornar um profissional de referência na sua área. Participar de eventos e ampliar seu networking também são outros meios de ter autoridade.

O efeito de todas essas ações é explicado pela ciência. Você já ouviu falar na heurística de disponibilidade? Esse viés comportamental é muito usado no mercado financeiro para traçar probabilidades nos investimentos, mas serve para vários outros contextos.

Segundo ele, a credibilidade está relacionada à facilidade da lembrança. Isto é, se algo é fácil de ser lembrado, a sua mente entende que isso deve ser bom. Então, se você for presente, será lembrado com mais facilidade.

E, sendo lembrado, terá a sua imagem associada à credibilidade. Moral da história: mais chances de conquistar as melhores vagas. Mas não para por aí, né? Essa autoridade também vai te ajudar depois de empregado. 

Quando você conquista credibilidade e se torna autoridade na sua área, as pessoas confiam mais em você.Dessa forma, sua palavra inspira segurança, assim como as suas opiniões e recomendações passam a valer mais.

Aprimore e desenvolva habilidades

Não é nenhuma novidade que o mercado demanda profissionais qualificados, certo? Por isso, você deve investir pesado nos estudos. Monte o seu backlog e faça um planejamento trimestral com todas as competências que precisam ser desenvolvidas.

Faça cursos, leia livros, ouça podcasts, assista a vídeos no YouTube…Tem um montão de coisas que podem ser feitas para buscar conhecimento e desenvolver habilidades.

E a dica que eu dou é não se esquecer das soft skills.É claro que as competências técnicas são essenciais para o dia a dia de trabalho, mas as habilidades socioemocionais têm ganhado cada vez mais força no mercado de trabalho.

Os empregadores querem profissionais que tenham excelente comunicação, inteligência emocional, capacidade de inovação e de trabalho em equipe, adaptabilidade e por aí vai. Então, quando montar seu plano, pense também no que você precisa desenvolver nesse sentido, ok?

Estruture a sua narrativa

Seguiu todos os passos acima? Agora, preste atenção nesta quarta dica, que é valiosíssima: construa uma boa narrativa para a entrevista. Todo seu esforço pode cair por terra se você não souber contar quem você é e do que é capaz.

Aplique o famoso storytelling. Certifique-se de que a sua narrativa tem um personagem (você, no caso), o ambiente (seus locais de trabalho), o conflito (os desafios enfrentados na carreira) e a mensagem (o seu propósito).

Além disso, lembre-se daquela regrinha básica: toda história precisa ter início, meio e fim. Então, fale de você, da sua trajetória profissional, apresente os motivos de ser valioso para a empresa e tenha clareza de onde quer chegar.

Tudo isso vai tornar o seu discurso muito mais poderoso e capaz de encantar e manter o recrutador interessado no que você tem a falar.

Se tiver dificuldade de estruturar essa narrativa na sua cabeça, escrever um roteiro pode ajudar, mas você precisa treinar para que não fique algo robótico, ok? Vá em frente ao espelho e fale em voz alta como se estivesse em uma entrevista.

Sem dúvida, essa técnica vai contribuir para que você se prepare melhor.

Consegui minha vaga, e agora?

Um dos grandes erros cometidos pelos profissionais é relaxar após conseguir a tão sonhada vaga de emprego, sendo que o início do período de trabalho é crucial para validar a história que foi contada na entrevista.

Por isso, ao conquistar sua vaga, defina um plano de 90 dias com atividades que devem ser realizadas. Estruture esse plano em quatro grandes momentos, da seguinte forma:

A imagem mostra um PowerPoint com a escrita de uma Plano de 90 dias para conquistar a vaga de emprego.

Nas duas primeiras semanas, identifique e converse com as pessoas-chave, não só da sua área, mas também de outros setores. Procure entender quem elas são e como trabalham.

Nas duas semanas seguintes, mergulhe de cabeça no trabalho, vendo tudo o que já foi feito e o que tem para fazer. Depois desse primeiro mês, já é hora de definir prioridades e mostrar que você tem controle do backlog.

O terceiro mês é o mais estratégico. Nesse momento, você deve deixar claro como pode contribuir com a estratégia da empresa.

Não pare de estudar

Além do plano de 90 dias, não posso deixar de mencionar a importância dos estudos.  A chave do sucesso no mercado de trabalho está na educação continuada.

Achar que uma faculdade vai garantir o seu futuro por longos anos é um erro gigantesco. É só observar o mercado para ver que tudo muda muito depressa, e quem não acompanha a movimentação é atropelado.

Por isso, não pare nunca de estudar.Mantenha-se sempre informado e atualizado sobre as novidades da sua área. 

Conclusão

Você deve ter notado, pelas dicas, que conquistar a tão sonhada vaga no mercado de trabalho requer preparação. Não é do dia para a noite que você vai se tornar uma autoridade na área e receber uma enxurrada de propostas irrecusáveis.

Mas, se tiver um pouco de paciência e souber gerir o seu tempo para se dedicar à construção do seu perfil profissional, certamente, vai ter bons resultados.

E continue fazendo isso mesmo após a sua contratação. Faça por você e pela sua carreira! Gostou deste conteúdo? Aproveita e me segue lá no LinkedIn!

Escrito por

Alex Ivonika

Mais de 10 anos criando produtos digitais e liderando equipes em startups premiadas no Brasil e na América Latina. Criador do Product Drops e editor no Product Guru’s, professor dos cursos de Product Management da Awari e Product Manager na Agrosmart.