Desenvolvedor 

Front-End?

Quanto ganha um

Carreira em 

Tecnologia

Não há dúvidas de que o setor de tecnologia está entre os que mais cresce no Brasil e no mundo. 

Desenvolvedor

Um dos cargos que podemos destacar nessa lista é o de desenvolvedor Front-End, um profissional ligado diretamente às interfaces de páginas na web, e que tem sido muito requisitado na construção de sites, aplicações e plataformas online.

Profissional responsável pela criação e manutenção de interfaces em páginas web, ou seja, das partes que podem ser visualizadas e interagem diretamente com o usuário.

O que é um 

Desenvolvedor

Front-End?

Para essa função, ele terá que levar em conta a usabilidade, a estética e a experiência, de forma que quem tem acesso aos sites e aplicações consiga navegar com facilidade, cumprindo o intuito para qual a página foi idealizada.

De acordo com o site Glassdoor, o salário médio de um desenvolvedor Front-End é R$ 4.104, partindo de R$ 2.000 em profissionais iniciantes, e podendo ultrapassar R$ 10.000.

Quanto ganha um

Desenvolvedor

Front-End?

O mercado fora do Brasil também apresenta ótimas oportunidades para quem desejar trabalhar no exterior, ou até mesmo para uma empresa internacional. O site BuiltIn estima que a média salarial nos Estados Unidos, por exemplo, é de US$ 8.770, variando entre US$ 1.000 e US$ 27.500, de acordo com o cargo e o tempo de trabalho.

Desenvolvedor 

 Front-End?

Como se tornar 

HTML, CSS e Javascript. Essas três ferramentas com funções distintas são essenciais para o trabalho de todo desenvolvedor da área, além de servirem como base para outros recursos.

1

Estude áreas relacionadas

Busque um bom conhecimento sobre o funcionamento delas, e saiba utilizar as principais funções de cada uma para a criação e manutenção de interfaces. Isso inclui o domínio a respeito da lógica de programação.

Também será muito útil conhecer os principais frameworks para Front-End, como React, Angular.js, Bootstrap e Foundation.

2

Compreenda conceitos básicos sobre design

Composição, hierarquia, equilíbrio, formas, cores e tipografia. Para uma boa sinergia entre as áreas, pode ser valioso que você tenha conhecimento sobre o trabalho do designer.

Converse com colegas e profissionais da área. Aproveite os encontros para trocar experiências e tirar dúvidas sobre novidades. Acompanhe notícias e artigos sobre o tema.

3

Esteja atualizado sobre o mercado e tecnologias

4

Treine fazendo exercícios e crie um portfólio

Isso vai trazer familiaridade com as ferramentas de Front-End e ajudar a construir suas habilidades com relação ao raciocínio lógico e à tomada de decisões.

5

Faça um curso de desenvolvimento Front-End

Se você pretende se desenvolver nessa área de forma clara e ter acesso aos melhores conteúdos teóricos e práticos, a melhor opção é fazer um curso sobre o tema.